Acabou a folia e bateu aquela culpa? Calma que o Mundo Verde Campos vai te ajudar. É comum cometer certos exageros durante o Carnaval, inclusive alimentares. A alimentação saudável é posta de lado e o consumo de alimentos frutas, verduras e legumes é negligenciado. Além disso, esquecem-sede nos hidratar de forma correta. Pensando nisso elaboramos algumas dicas para te ajudar, chamamos de detox pós-Carnaval.

A eliminação dos xenobióticos(compostos qumucos estranhos a um organusmo ou sistema biológico), é feita, principalmente, através do fígado, que transforma as toxinas, substâncias lipossolúveis, em hidrossolúveis para que então possam ser eliminadas através da urina, das fezes e do suor. Porém, esta função pode ser prejudicada pelo próprio excesso de toxinas e pela ausência de uma alimentação adequada que forneça os nutrientes necessários à detoxificação.

Alguns nutrientes otimizam o trabalho do fígado, na conversão de toxinas: vitaminas do complexo B, zinco, magnésio, selênio, cobre, enxofre, antioxidantes (flavonoides, antocianinas e carotenos) e aminoácidos (glicina, metionina e glutamina).

O cardápio certo?
Arroz integral, quinoa e paiço

Auxiliam na detox, pois são ricos em vitaminas do complexo B e fibras. O arroz integral deve ser refeições utilizado em substituição ao arroz branco nas principais. A quinoa pode ser usada em saladas e em receitas de tortas, pães e bolos. O painço pode ser preparado solto como o arroz ou cremoso como um mingau na versão salgada ou doce e acompanha bem diversos tipos de pratos.

Castanha-do-brasil
É fonte de selênio, mineral importante para o processo de desintoxicação. Pode ser consumida junto com outras oleaginosas (castanha-de-caju, nozes, amêndoas etc.), preparando-se um mix e consumindo-se 30g ao dia em um lanche.

Clorofila/Suco verde
A clorofila é desintoxicante e depurativa do organismo, reforça o sistema imunológico, neutralizando as toxinas e aumentando o número de anticorpos. Com a polpa de clorofila podemos preparar um suco verde, que deve ser consumido pela manhã em jejum para auxiliar na desintoxicação. Tem receita aqui no site, alias!

Crucíferos
Sao vegetais ricos em antioxidantes,vitaminas, fibras e minerais, como brócolis, couve-de-bruxelas, couve-flor, mostarda, nabo e rabanete são ricos em enxofre, mineral que auxilia na detox. Eles podem ser utilizados em receitas de saladas e em tortas salgadas.

Probióticos
São organismos vivos que, quando ingeridos em determinado número, equilibram a flora intestinal. Antes de iniciar um processo de detox, é importante corrigir a disbiose, quadro caracterizado pelo aumento do número de parasitas, fungos e bactérias patogênicas no intestino. Precisamos corrigir a disbiose para garantir a adequada absorção dos nutrientes que auxiliam no processo de detox.

Prebióticos
O nome é parecido, mas são diferentes dos probióticos. A farinha e a biomassa de banana-verde possuem amido resistente que apresenta ação prebiótica, ou seja, fornece energia para que as bactérias benéficas se desenvolvam e colonizem o intestino.

Gengibre
Melhora o processo digestivo e possui ação desintoxicante. Pode ser utilizado na forma de chá ou adicionado em sucos, vitaminas e receitas de saladas.

Semente de abóbora
É fonte de zinco e magnésio, minerais que participam do processo de detox. A semente de abóbora pode ser consumida como snack e adicionada em saladas.

Suco de uva integral e suco de cranberry

Eles são excelentes fontes de antocianinas, potentes antioxidantes que atuam no processo de destoxificação do organismo.

Tá vendo como ficou facil. Agora é só passar em uma das nossas lojas e levar os produtos pra casa. No Mundo Verde Campos você entra tudo para que a sua vida seja muito mais saudável.

E como eu sempre digo; EM CAMPOS, SE NÃO FOR MUNDO VERDE TÔ FORA!

Siga-no nas redes e acompanhe as novidades e promoções das nossas lojas.

Fonte: Rede Mundo Verde
Foto: Reprodução Internet